segunda-feira, novembro 22, 2004

Somos todos anjos caídos?

Fui rever "Fallen Angels", de Wong Kar-wai; e o filme acabou por me levar a procurar coisas antigas. O resultado é que o tema do "Diário Íntimo" de George Sand ficou ultrapassado; ou talvez não, talvez acabe por se relacionar com o que enho a dizer.
É que me lembro exactamente da primeira vez que vi este filme; escolhi-o por mero acaso, o que eu queria de facto era qualquer coisa que me retirasse de mim mesma. (Quanto a esse objectivo, foi uma escolha falhada; mas fosse outro o meu estado de espírito e talvez não tivesse sentido a mesma intensidade de emoções.)
Mas o que eu queria perguntar neste post é se de facto estaremos todos condenados a ser anjos caídos, impossibilitados de viver o amor na sua forma mais intensa - pois essa aconteceu sempre no passado.

2 comentários:

Diane L. disse...

Eu não sei se seremos anjos caídos. O amor é tão tramado não é?

Deixemo-nos amar e amemos tudo e todos ao máximo.

Que belo filme escolheste :)

jotabe disse...

sim...somos anjos caídos numa unica chance de reconciliaçao com Deus.
o caminho para essa reconciliçao é Jesus.
na eternidade voltaremos a ser o que éramos, anjos.

..mas para quem não aceitar o sacrifício de jesus na cruz terá a morte eterna.Esta é única chance.

Deus poderia ter nos detruído pela traiçao que cometemos, O trocamos pela mentira que diabo.