terça-feira, março 14, 2006

uma no cravo, outra na ferradura

Por muito sol que faça, fotografias destas continuam a assustar-me...

1 comentário:

sonia disse...

entao teresa.... obras nao custam nada! senao morares ainda na casa corre as mil maravilhas e sem 'stresses'! quando aqui viemos viver foi assim que fizemos, dois meses e meio de obras e casa vazia, mas o 'plim' acabou-se e a casa-de-banho ficou em estado original ate melhores dias! o que chateia e a lentidao das coisas e num pais onde mais ou menos tudo funciona. a torneira que nao serve, a porta do duche que vem partida, o canalizador que fica gripado! boa sorte e nao te deixes enganar pelo sol (ai que inveja, ja deito cinzento pelos olhos!)
jinhos